sábado, 26 de maio de 2012

Historia de Vila Velha ES Colonização do ES

O Espírito Santo começou por Vila Velha
No dia 23 de maio de 1535 a caravela Glória ancorou na Prainha, às margens da baía de Vitória, trazendo o donatário da então Capitania do Espírito Santo, Vasco Fernandes Coutinho, e outros 60 homens. Logo foi fundada a Vila do Espírito Santo, mas devido a discordâncias com índios que viviam no local, a capital acabou transferida para a ilha vizinha, Vitória, em 1551.
A partir daí, durante um longo período, a cidade não se desenvolveu muito e há poucos documentos sobre a sua história até a independência do Brasil. Sabe-se que até o século XIX havia na região engenhos e uma população reduzida. Um relatório de 1827, do governo do então presidente da Província, Ignácio Accioli de Vasconcelos, registrou 2.120 habitantes.
Já na República, em 1890, com a Constituição do Estado do Espírito Santo, Vila Velha passa a ser município. Com o traçado de sua primeira planta, datado de 1894, houve alargamento de ruas e aconteceram melhorias no Centro e na Prainha. A partir de 1912 o bonde passou a ser o meio de transporte. A mudança na economia e na população começa em 1929 com a inauguração da Ponte Florentino Avidos (Cinco Pontes), ligando o município a Vitória, mesmo ano em que a fábrica de chocolates Garoto se instalou na cidade dinamizando a economia local. Pouco depois, entre 1943 e 1947, durante o governo de Getúlio Vargas, Vila Velha foi anexada a Vitória.
No início da década de 50 a rodovia Carlos Lindenberg foi asfaltada e o bonde deu lugar aos veículos. Em 1958 o nome Vila Velha foi oficializado. A partir da década de 70 as ligações com a Capital melhoraram com a inauguração da Segunda Ponte e depois com a Terceira Ponte, já no final da década de 80.
Essa facilidade de acesso provocou uma elevação na população. Os moradores, que em 1950 eram pouco mais de 24 mil chegaram a 414.586 (Censo IBGE 2010). A antiga vila é hoje uma cidade dinâmica, que cresce e recebe investimentos nacionais e internacionais, proporcionando desenvolvimento econômico e social para a população, mantendo suas riquezas naturais e heranças culturais e históricas.

Nenhum comentário:

Jogo Pacman