quinta-feira, 29 de agosto de 2013

História de Afonso Cláudio ES

Com a descoberta de ouro pelo desbravador Frederico Wilmer, na região conhecida como Lagoa Seca, situada na fazenda Santo Antônio do Alto Guandu, começou o desbravamento do território que  seria mais tarde o município de Afonso Cláudio.
Em 1876, o desbravador Antônio de Souza Barros, conhecido como Barros Preto, estabeleceu-se junto às cabeceiras do Rio Guandu, em Pontões. Nesse mesmo ano, outros pioneiros, vindos de Minas Gerais, fixaram-se às margens do Ribeiro da Lagoa. Apartir de 1881, os desbravadores abandonaram a área e partiram para outra localidade, a cinco quilômetros  da atual sede. Como notassem que o córrego local estava desaparecendo e, assim, poderia prejudicar o desenvolvimento do povoado que começavam a erguer, também abandonaram essa área em busca de novo pedaço de terra para se fixarem.
Na caminhada à procura desse lugar apropriado para fundarem o novo povoado, os colonizado se dirigiram para a parte direito do Rio Guandu. Em 1885, começavam a surgir, então, os primeiros núcleos de uma povoação a que deram o nome de São Sebastião do Alto Guandu de Cima. Um ano depois, já era grande o número de famílias no povoado recém-formado. O progresso não tardou a chegar. Novos caminhos foram abertos para outras povoações. Em 1888, São Sebastião já era distrito e em 1890 tornou-se vila para, então, no ano seguinte, ser reconhecido como município emancipado, que recebeu o nome de Afonso Cláudio em homenagem ao primeiro presidente do Estado, na República Afonso Cláudio de Freitas Rosa.
Nota do Blog: Essa matéria foi extraída do jornal Agazeta, possivelmente a matéria foi publicada no ano de 1994, infelizmente não temos a data correta para fornecer a você caro leitor, mais deixamos os créditos aos editores da secção Agazetinha à época. 

Nenhum comentário:

Jogo Pacman